Obra do Salvador

Sobre


Quem somos

Fundada em 21.05.1987, por D. CARLOS ALBERTO NAVARRO, para ser instrumento de AÇÃO SÓCIO-TRANSFORMADORA. É reconhecida de utilidade pública MUNICIPAL, ESTADUAL E FEDERAL. Com o lema ‘Bem aventurados somos nós que tecemos solidariedade para oferecer oportunidade’, nos destacamos pelo trabalho com jovens de vulnerabilidade social, através de parceria com o CMPDCA (Conselho Municipal de Proteção dos Direitos da Criança e do Adolescente), CMAS (Conselho Municipal de Assistência Social) e FIA (Fundação da Infância e Adolescência. Jovens entre 14 e 24 anos frequentam, diariamente, oficinas de Iniciação Profissional, de Reforço Escolar, atividades lúdico-artísticas, tendo acompanhamento psico-pedagógico-social, para a inserção ao mercado de trabalho via PROGRAMA JOVEM APRENDIZ.

Em 2008, no XXII CONGRESSO DA ABMP - Associação Brasileira de Magistrados e Promotores de Justiça da Infância e da Juventude, a instituição apresentou o relato de experiência com o título: PROGRAMA JOVEM APRENDIZ DO PRAZER-NECESSIDADE DE BRINCAR AO PRAZER-NECESSIDADE DE TRABALHAR. De 1996 a 2009, foi responsável pela IMPLANTAÇÃO e COORDENAÇÃO da PASTORAL DA CRIANÇA em todo NORTE e NOROESTE FLUMINENSE.

História

Em 2012, 26 anos de HISTÓRIA de AMOR...PERSEVERANÇA...CONFIANÇA na DIVINA PROVIDENCIA! O Bispo Dom Carlos Alberto Navarro, em 05/06/1987, fundou a OBRA DO SALVADOR com sede e foro na cidade de Campos dos Goytacazes para ser instrumento de AÇÃO SÓCIO TRANSFORMARA DIOCESANA. A instituição, que tem este nome em homenagem ao padroeiro da cidade de Campos, é uma Associação, com reconhecimento de Utilidade Pública Municipal, Estadual e Federal. Ao longo de sua história desenvolveu projetos para atender crianças, jovens e idosos. Tendo Dom ROberto Gomes Guimarães como bispo, a instituição durante 13 anos implantou e coordenou a PASTORAL de CRIANÇAS na DIOCESE. A partir de 2007, o público alvo da instituição passou a ser de jovens em situação de vulnerabilidade social encaminhados...

Em parceria com o CMAS, CMPDCA e FIA desenvolve projetos de INICIAÇÃO PROFISSIONAL, preparando jovens para a Inclusão no Mercado de Trabalho, através do PROGRAMA JOVEM APRENDIZ, implantando pela instituição em 2007. O resultado do Programa é bastante satisfatório, em torno de 80% dos jovens, ao término do programa, são contratados como funcionários pela própria empresa, 15% são contratados por outras empresas. A partir de 2011, atendendo a sua dimensão Diocesana, vem sendo desenvolvido o Projeto TECENDO SOLIDARIEDADE como objetivo de capacitar e dar suporte técnico a lideranças de PASTORAL SOCIAL e dos conselhos, nos municipios de abrangência da DIOCESE, para atuar com jovens em vulnerabilidade social oferecendo oportunidade de construção de DIGNIDADE e CIDADANIA, pelo TRABALHO, através de oficinas de INICIAÇÃO PROFISSIONAL. Em janeiro de 2011, a instituição participou da seleção pública da FIA e foi classificada para prestar ASSESSORIA TÉCNICA a instituições que desenvolvem, em parceria com a FIA, o PTPA. É importante recenhecer que, no Estado do RIO DE JANEIRO, só duas instituições foram classificados, a OBRA DO SALVADOR E A MITRA ARQUIODIOCESANA DO RIO DE JANEIRO.

DIRETORIA BIÊNIO 2016-2017

DIRETORIA EXECUTIVA

Padre Wallace Ortêncio de Azevedo
Presidente

Janete Almeida Azeredo
Vice- Presidente

Antônio Carlos Machado Baltazar
1º Tesoureiro

Carlos Augusto Melo da Silva
2º Tesoureiro

Daniel Vizella Baltazar
1º Secretário

Diego Vizella Campos
2º Secretário

CONSELHO CONSULTIVO

Regina Maria Wigand Rodrigues

Paulo Roberto Silva Carneiro

Conceição de Maria Azevedo dos Santos

Alex Gomes da Motta

Edmar da Silva Rangel

SUPLENTES CONSELHO CONSULTIVO

Luiz Fernando Terra Soares

Marilute Miguel Dumas

Maria Angelica Sanz dos Santos Thomé

José Ornis Rosa

José Joaquim de Almeida Rodrigues

CONSELHO FISCAL

Getulio Pereira Bretas

Jean Fuly

Edilson de Souza Alvarenga

SUPLENTES CONSELHO FISCAL

Waldinei Caetano da Silva

Rener Seixas Bianchini

Izabel Cristina Henriques Pessanha